Voltar

Transformação digital na educação

28.02.2020 | Educação

Transformação digital na educação

Os dias de hoje exigem agilidade e produtividade. Isso em todos os setores da vida e, com educação, esse cenário não poderia ser diferente. Utilizar a tecnologia em favor do ensino é umas das estratégias mais assertivas, já que a inovação é capaz de aprimorar a qualidade da educação. É por isso que, neste ano, o Programa Caminhos para a Cidadania se torna totalmente digital. A proposta é ampliar o acesso de alunos e professores à iniciativa, sendo trabalhados temas relacionados à segurança no trânsito, à mobilidade urbana e à cidadania.

Na prática, os conteúdos do curso de Ensino a Distância (EAD) serão disponibilizados em uma plataforma exclusiva para os educadores, que multiplicarão os assuntos por meio de atividades tratadas em sala de aula. “Os alunos, por sua vez, poderão acessar atividades e jogos lúdicos no portal do programa. Com essa mudança, queremos atingir o maior número de pessoas em cidades lindeiras ao longo das rodovias do Grupo CCR”, avalia Ariane Teles, do Instituto CCR.

Para ela, as novas tecnologias estão ajudando no desenvolvimento da educação. “Sabemos o quanto essas ferramentas são importantes para ajudar no processo de ensino e aprendizagem”, finaliza.

Kelly Lima, consultora pedagógica, explica que a educação digital serve para guiar o aprendizado dos alunos, ajudando-os a serem mais do que consumidores de tecnologia, mas, sim, produtores ou utilizadores conscientes dela. “A cidadania digital é um bom exemplo de como podemos levar esse tema para a sala de aula, de como devemos nos relacionar com o próximo do outro lado da tela, além de destacar os perigos da internet”, afirma.

Conteúdos abordados
No primeiro semestre, o curso de EAD abordará como tema central as competências socioemocionais, por meio das campanhas educativas de Segurança no Trânsito e Meio Ambiente. Já no segundo semestre, o programa falará sobre a importância da reciclagem em todas as suas cadeias, por meio de ações na Semana Nacional de Trânsito e Consumo Consciente.

Kelly conta que o intuito é levar a reflexão de que a educação vai muito além da parte cognitiva. “Competências socioemocionais e a relação de si consigo mesmo e com o outro também fazem parte desse contexto. Além disso, propomos uma estrutura pedagógica que facilita o autodidatismo e estimula o comportamento para o ensino a distância”, finaliza.

Caminhos para a Cidadania: tecnologia aliada à educação Caminhos para a Cidadania: tecnologia aliada à educação
Autor: Divulgação